assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Tenha um sono saudável

Publicado em 30 de Apr de 2013 por Ana Paula Ferreira | Comente!

Passamos aproximadamente metade de nossas vidas dormindo. Uma noite de descanso com saldo positivo é essencial não apenas para ficar bem disposto, mas para manter-se saudável, ter mais qualidade de vida e até aumentar a longevidade



Texto: Fernanda de Almeida / Foto: Shutterstock / Adaptação: Ana Paula Ferreira

Em curto prazo, a privação do sono pode causar dores no corpocansaço sonolência durante

o dia. Acompanhe as dicas dadas pela VivaSaúde para ter uma boa noite de descanso.

Foto: Shutterstock

Realizar todas as atividades do dia em horários regulares e disciplinar a rotina é difícil e pouca gente consegue. Com a correria e irregularidade das atividades diárias, o sono acaba sendo muito prejudicado. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 40% da população mundial apresenta algum tipo de distúrbio ou síndrome do sono. No Brasil, 63% da população adulta apresenta alguma queixa relacionada ao sono, segundo o Instituto do Sono da Associação Fundo de Incentivo à Pesquisa (AFIP- SP).

Dormir bem reequilibra o organismo produzindo, além do hormônio do crescimento (GH), a serotonina, responsável pela sensação de prazer, além de impedir a acumulação  de  cortisol, que melhora o  humor e a boa disposição. Da mesma forma, o sono  aumenta  a sensibilidade à  leptina,  hormônio responsável por informar ao organismo a ausência da fome.  “O sono de qualidade tem como função a conservação de energia, consolidação da memória, proteção e restauração do organismo”, de?ne Ligia Mendonça Lucchesi, médica do Instituto.

Qualidade do sono

Muitos fatores podem interferir no sono, entre eles o travesseiro e a postura inadequada, ambiente sem ventilação, alimentação descontrolada e até mesmo a ocorrência de crises alérgicas, que podem desencadear a insônia. Estresse, ansiedade e preocupações excessivas também podem atrapalhar bastante.

Em curto prazo, a privação do sono pode causar dores no corpo, cansaço e sonolência durante o dia, irritabilidade, alterações repentinas de humor, perda da memória de fatos recentes, comprometimento da criatividade, redução da capacidade de planejar e executar, lentidão do raciocínio, desatenção e di?culdade de concentração. E em longo prazo, falta de vigor físico, envelhecimento precoce, diminuição do tônus muscular, comprometimento do sistema imunológico, tendência a desenvolver obesidade, diabetes, doenças cardiovasculares e gastrointestinais e perda crônica da memória.

Para que você não se prejudique com nenhum destes fatores, confira abaixo 7 dicas para você dormir bem:

1. Fique de olho no relógio

Mantenha um horário fixo para dormir cada vez melhor. Essa estratégia é essencial para regular o sono. Procure manter esse hábito também nos finais de semana.

2. O quarto dos sonhos

Ele deve ser sinônimo de sono. Para que você possa dormir melhor e mais rápido, o ambiente em que dorme deve estar associado ao sono, ou seja, não realize outras atividades como trabalhar na cama.

3. Dieta leve à noite

Comer alimentos pesados antes de dormir, fumar ou ingerir bebidas alcoólicas antes de ir para a cama podem atrapalha a qualidade do sono.

4. Crie o clima certo

Além da completa ausência de luz e de sons, o local onde se dorme deve ser arejado. Uma boa opção é usar essências que ajudem a relaxar. Opte por fragrâncias suaves.

5. Pijamas confortáveis

Roupas limpas e confortáveis favorecem e propiciam o relaxamento.

6. E um cochilo, pode?

Após as refeições é muito bom, principalmente para relaxar, mas não se esqueça: ele não deve atrapalhar o sono noturno.

7. Nem computador, nem TV antes de dormir

As luzes dos eletrônicos e televisões fazem que você se sinta mais “acordado”. Troque-os por um banho morno para sinalizar ao corpo que chegou o momento de relaxar.

 



COMENTE!