assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Saiba como se proteger dos malefícios do sol de verão

Publicado em 04 de Nov de 2014 por Marília Alencar | Comente!

Agora é a hora de fortalecer as defesas da pele contra os malefícios do sol de verão. Alimentação reforça a nossa reserva natural de antioxidantes responsáveis por neutralizar os radicais livres gerados pela radiação solar. Confira



Sol e praia

(Foto: Shutterstock)

O verão está chegando e nada mais correto do que tomar os devidos cuidados com a saúde da pele. A prevenção aos malefícios do sol ajuda no combate de rugas, manchas, queimaduras, flacidez e até do câncer. Isso porque, durante a exposição aos raios solares (UVA e UVB), naturalmente, a pele tenta se proteger utilizando seu próprio estoque de antioxidantes (cuja função é neutralizar os radicais livres). Os raios ultravioletas conseguem destruir aos poucos essa reserva na qual, devido à alimentação precária, costuma ser insuficiente. O dermatologista Abdo Salomão alerta sobre os cuidados que devem ser tomados antes de se expor ao sol nos dias de verão. "Separe aquilo que irá precisar ao se expor ao sol como filtro solar, roupas de algodão ou se possível com proteção solar, garrafinha de água etc. Realize uma esfoliação em todo o corpo e vá ao seu dermatologista para solicitar que reveja os produtos que você está usando, adequando os produtos aos seus novos hábitos (se vai para piscina ou praia ou não). Cuidando de você e sua pele, conseguirá curtir o verão sem causar estragos à sua saúde", orienta.

Entretanto, alguns alimentos à base de flavonoides,vitamina C e antocianinas podem ajudar. Segundo Priscila Miagui, Coordenadora de Pesquisa e Desenvolvimento de Produtos da Idealfarma, algumas substâncias encontradas em frutas e outros alimentos, que também são extraídas para utilização na indústria farmacêutica, auxiliam na proteção da pele. "Como protetores substâncias como a antocianinas, vitamina C e flavonoides são altamente antioxidantes. Elas podem ser extraídas de três variedades de laranjas (Tarocco, Sanguinello e Moro), que vivem em condições ambientais hostis ao lado do Monte Etna na Sicília (Itália). Por esse motivo, são obrigadas a produzir uma quantidade enorme de antioxidantes para sobreviver", observa ela. Segundo a profissional, veja o que cada uma delas proporciona à saúde da pele: 

Antocianinas: são pigmentos responsáveis por uma grande variedade de cores de frutas, flores e folhas que vão do vermelho-alaranjado, ao vermelho vivo, roxo e azul. Sua função é a proteção das plantas, flores e frutos contra a luz ultravioleta (UV) e, assim, evitar a produção de radicais livres.

Onde encontrar: amora, açaí, framboesa cereja, uvas, jabuticaba, morango, ameixa-japonesa, repolho roxo, alface roxo, milho roxo, berinjela, batata-doce, amendoim, feijão preto e outros.

Vitamina C: ajuda na hidratação e na produção de substâncias que agem na renovação da pele. Possui poder antioxidante, estimulando a eliminação de radicais livres - que são moléculas que causam danos às células e aceleram o processo de envelhecimento. Ela também atua na produção de colágeno, essencial em tratamentos de rejuvenescimento.

Onde encontrar: pimentão amarelo cru, suco de laranja, morango fresco, mamão papaia, kiwi, melão-catalupo, suco de tomate, manga, laranja e brócolis.

Flavonoides: encontrados em frutas, vegetais, chás, vinho, chocolate etc. Os flavonoides possuem diversos benefícios, sobretudo, na ação antioxidante ao combater os radicais livres do corpo, além de auxiliar na absorção da vitamina C.

Onde encontrar: As maçãs (especialmente com a casca), mirtilos, brócolis, alcaparras, cebola bulbo, morangos, uvas vermelhas, alface, folha de manjericão, cranberry, alho bulbo, folhas de couve, espinafre, raiz de aspargos, erva-doce, cerejas, limões, laranjas, pimentos amarelos, cacau, chocolate, chá, vinho tinto, soja, feijões, ervilhas, feijão, manjericão, tomilho, coentro, hortelã, camomila e nozes.



COMENTE!