assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Fumo aumenta chance de cirurgia de catarata

Publicado em 12 de Nov de 2014 por Clara Ribeiro | Comente!

Recente pesquisa mostra que fumar 15 cigarros por dia aumenta as chances de um paciente com catarata ter que submeter à cirurgia. O dado é 42% a mais do que a incidência em não fumantes. Saiba mais sobre o estudo



Texto: Leonardo Valle / Foto: Shutterstock / Adaptação: Clara Ribeiro

O tabaco no organismo produz radicais livres em excesso e, mesmo quando a pessoa para

de fumar, eles continuam causando estragos em alguns órgãos vitais. Veja os riscos de

cirurgia de catarata divulgados em pesquisa

Foto: Shutterstock

Um estudo da Sweden’s Orebro University Hospital (Suécia) com 44 mil homens mostrou que fumar 15 cigarros por dia aumentou as chances de uma cirurgia de catarata em 42% quando comparado aos não fumantes. O motivo é que substâncias tóxicas e oxidantes presentes no vilão contribuem para que o cristalino – região considerada a “lente” do olho – torne-se opaco.

A pesquisa foi liderada pela oftalmologista Birgitta Ejdervik Lindblad e mapeou a saúde e os hábitos de vida de homens entre 45 a 79 anos, a partir de 1997. O levantamento ainda mostrou que o risco de catarata continuava alto (21%) entre aqueles que haviam largado o vício há mais de 20 anos.

De acordo com a oftalmologista Lara Murad Bichara, membro da Sociedade Brasileira de Oftalmologia (SBO), “Diversos estudos já comprovaram que o tabagismo é um agente acelerador do envelhecimento. Acredita-se que essa seja a explicação principal para a maior incidência de catarata entre os fumantes”, conclui.

Revista VivaSaúde - Edição 131



COMENTE!