assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Homens sofrem mais com doenças do coração

Publicado em 22 de Jun de 2015 por Clara Ribeiro | Comente!

As doenças cardiovasculares são a principal causa de morte entre os homens. Entenda por que e previna-se



Texto: Letícia Ronche / Foto: Fausto Roim / Adaptação: Clara Ribeiro

Um em cada dois homens é hipertenso

Foto: Fausto Roim

Atenção, homens: os seus corações podem estar parecendo mais apertados! A causa pode ser os seus incontáveis maus hábitos. Um estudo feito pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) mostrou que as doenças cardiovasculares foram a principal causa de morte em homens em 2009 – um em cada quatro morreu em razão dessas enfermidades. Isso significa que a premissa – eles sofrem mais do coração do que as mulheres – ainda é verdadeira, embora estejamos caminhando para um empate. Rui Fernando Ramos, cardiologista do Hospital São Luiz (SP), explica que “isso depende da faixa etária. Os homens sofrem infartos mais jovens do que as mulheres, cerca de dez anos antes. Elas possuem uma proteção hormonal que baixa a partir da menopausa”.

Essa “guerra dos sexos” se acirra também devido aos novos costumes. Hoje, a mulher já exerce as mesmas funções dos homens. Não existe mais aquela história de cuidar da casa e da família enquanto o homem trabalha. Além disso, elas estão adquirindo hábitos de vida pouco saudáveis, dada a modernidade.

Maus hábitos masculinos

Assim, ainda existe um predomínio na incidência de doenças cardiovasculares em homens, pois eles lidam com o estresse de forma diferente e suas emoções levam ao aumento da pressão arterial e a hábitos alimentares inadequados. “Se você colocar uma mulher nas mesmas condições, os riscos são os mesmos”, conta Ricardo Mourilhe, vice-presidente da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio de Janeiro (Socerj). E, por mais que essa realidade já tenha mudado, os homens ainda apresentam maior tendência a comer pior, fumar mais e ainda faltam às consultas médicas!

Direto na doença

As principais enfermidades do coração são: o infarto do miocárdio e a doença arterial periférica – estreitamento das artérias que levam sangue ao coração. “Porém, outras doenças cardiológicas não menos importantes ou graves devem ser lembradas, tais como as doenças valvares, congênitas, hipertensivas e a insuficiência cardíaca”, conta Ramos.

As causas dessas doenças estão relacionadas a comportamentos de risco, como tabagismo, obesidade, fatores psicossociais, sedentarismo e estresse. “A prevenção, então, é simples: basta controlar os fatores do risco. Hábitos saudáveis na alimentação, diminuição de sódio, açúcar e gordura”, orienta Mourilhe. Ele lembra ainda que patologias como diabetes e alterações no triglicérides e colesterol também estão entre as causas, portanto, devem ser devidamente tratadas.

Dados sobre as doenças cardiovasculares 

Fonte: Agência Italiana OSMED, Harvard Medical School, INT ERHEART e Organização Mundial de Saúde (OMS).
Modelo: Ricardo Rolin (modelo - Agência THL Models).

Revista VivaSaúde - Edição 145



COMENTE!