assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Veja o como socorrer um paciente com AVC

Publicado em 01 de May de 2013 por Leticia Maciel | Comente!

Conhecido popularmente como “derrame”, o acidente vascular cerebral é uma das maiores causas de morte no Brasil e no mundo



Texto: Redação Revista VivaSaúde/ Ilustração: Cecilia Andrade/ Adaptação: Letícia Maciel

Observe se a pessoa sente fraqueza apenas de um lado do corpo e tem dore de cabeça
súbita e intensa, esses são fortes sinais de AVC.
Ilustração: Cecilia Anadrade

O acidente vascular cerebral (AVC) pode acontecer de duas formas distintas. O isquêmico, que acomete 80% dos casos, ocorre quando uma artéria do cérebro é obstruída por um coágulo (placa aterotrombótica). Já o hemorrágico é a ruptura da artéria cerebral que pode ser causada por hipertensão, aneurismas ou outras deformações dos vasos . No entanto, é possível a manifestação dos dois indícios de uma só vez. A alteração da circulação cerebral, decorrente dessas situações, provoca lesões que muitas vezes podem ser irreversíveis. Os sintomas e sinais que surgem dependerão das áreas atingidas no cérebro e, geralmente, aparecem de forma súbita


Observe os sinais

Os sintomas abaixo indicam que a pessoa está tendo um AVC naquele instante. Se você notar uma ou mais destas manifestações não espere. Chame um serviço de emergência médica (ambulância) ou vá imediatamente a um hospital.

  • Fraqueza em um braço e/ou perna de um lado do corpo (exemplo: peça para a pessoa levantar o braço. Se ela não conseguir, já é um sinal).
  • Dormência súbita de um lado do rosto, braço e/ou perna.
  • Dificuldade para falar (exemplo: fala enrolada ou arrastada).
  • Confusão mental ou dificuldade repentina para entender o que as pessoas estão falando.
  • Dificuldades para ficar em pé, andar, manter equilíbrio corporal ou a coordenação motora.
  • Dor de cabeça súbita e intensa
  • Paralisia de um lado do rosto (exemplo: “boca torta”).

Como socorrer o paciente

O ideal é que o indivíduo afetado seja atendido o mais rápido possível. A trombólise (medicação para dissolver o coágulo) só pode ser utilizada em no máximo 4 horas e meia após o início dos sintomas. Deve-se descontar deste tempo o período para a avaliação médica e neurológica, exames de imagem, entre outros pré-atendimentos, o que leva em torno de uma hora.

Tratamento

Atualmente existem tratamentos eficientes que podem evitar sequelas em vítimas de AVC. Para isso, é necessário que o atendimento seja realizado o mais rápido possível. Essas terapias são feitas somente em hospitais, preferencialmente aqueles que têm especialistas, equipes treinadas e estrutura organizada para atender pessoas com AVC.