assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Obesidade em jovens é porta de entrada para outras doenças

Publicado em 22 de May de 2015 por Clara Ribeiro | Comente!

O patologista Paulo Saldiva alerta sobre a alta incidência de crianças e adolescentes com obesidade, problema que implica em outras doenças como o diabetes



Texto: Paulo Saldiva é patologista e professor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) / Colaborou: Priscila Pegatin / Foto: Shutterstock / Adaptação: Clara Ribeiro 

A obesidade em jovens alerta sobre a necessidade das cidades oferecerem 

ambientes mais saudáveis à população

Foto: Shutterstock

A tecnologia e a realidade das cidades trazem a discussão de uma epidemia moderna: a obesidade. E isso, para além da equação ditada pelo excesso de alimentação. Como patologista, observo que crianças em tenra idade tem placas de gordura nas carótidas, coronárias e aorta, o que evidencia o risco para o infarto. O diabetes do tipo 2, típico de adultos, já é o mais comum em crianças e adolescentes. Os infartos cerebrais e do miocárdio vêm ocorrendo entre jovens que, antes, eram isentos de risco.

Viveremos melhor ou pior a depender do que inalamos, bebemos, comemos e de nosso modo de vida. Este é o novo desafio e também a grande oportunidade para transformar as cidades em um ambiente mais saudável, humano e sustentável. E não há como contar com uma nova vacina ou medicamento. A solução passa, necessariamente, pela ação de nós, habitantes de um ecossistema tão particular como são as cidades de nossos dias.

Revista VivaSaúde - Edição 145



COMENTE!