Picadas de mosquito: saiba mais sobre o uso de repelente durante a viagem - Família - Viva Saúde
assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Picadas de mosquito: saiba mais sobre o uso de repelente durante a viagem

Publicado em 29 de Dec de 2017 por Kelly Miyazato | Comente!

Para curtir a viagem sem se preocupar com as indesejáveis picadas de mosquito, consultamos uma especialista, que explica sobre a importância do uso de repelente e dá dicas para driblar o incômodo. Confira!



 

Picadas de mosquito: saiba mais sobre o uso de repelente durante a viagem

Já está na contagem regressiva para a viagem? Lembre-se de incluir um item que não pode faltar: o repelente. De acordo com Bel Takemoto, dermatologista membro titular das Sociedades Brasileira de Dermatologia (SBD) e Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD), a grande variedade de repelentes existentes no mercado oferece uma formulação composta por ativos recomendados de acordo com a idade e, para se manter protegido da picada de mosquitos, é necessário passar o produto e reaplicar conforme as instruções do fabricante.

Bel comenta sobre alguns exemplos de princípios ativos, como Icaridin ou Picaridin, IR 3535 e DEET (dietiltoluamida), nos quais o tempo de ação também é diversificado. “Embora seja possível contar com a proteção dos repelentes, é importante adotar medidas simples e eficazes como, por exemplo, se certificar da instalação de telas em portas e janelas do imóvel no qual irá se hospedar. A utilização de peças de roupas que cobrem braços e pernas também é uma boa pedida, pois ajuda manter o mosquito bem longe, contudo, se a área for de calor intenso, recorra ao uso de repelente”, conclui.

 

*Por Kelly Miyazzato | Foto Revista VivaSaúde – Zika Vírus e Microcefalia | Agradecimentos à Bel Takemoto, dermatologista membro titular das Sociedades Brasileira de Dermatologia (SBD) e Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD).

 

 

 

 

 

 

 



COMENTE!