assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Benefícios do repolho para o sistema urinário

Publicado em 19 de Aug de 2015 por Marília Alencar | Comente!

Repolho - folhas cheias de vitaminas! O alimento também traz benefícios para o sistema urinário. Entenda



Repolho

(Foto: Shutterstock)

Assim como a couve-flor, o repolho é um alimento crucífero com grande capacidade de retardar o envelhecimento das células. “Como ele é rico em fitoquímicos, tem o poder de quebrar os radicais livres antes que eles possam danificar o organismo e formar tumores”, explica a nutricionista Juliana Rossi di Croce.

Ela completa que o alimento também é fonte de diversas vitaminas indispensáveis, como a B6, a C e a K e ainda contém ácido fólico. “Sem contar que também tem fibras”, diz. “Ele também está entre as hortaliças com menor quantidade de potássio”, reforça a nutricionista Aline Maria Pereira, do Hospital do Rim e Hipertensão. Eis um dos motivos para o qual é ideal para prevenir, mas, principalmente, para controlar problemas no sistema urinário.

Assim como as demais hortaliças, é pobre em gorduras e carboidratos, mas, de acordo com Ramón Sánchz-Ocana, em seu livro Nutrição de A a Z (Editora Senac), destaca-se pelo alto teor mineral – contém cálcio, ferro e magnésio – e, principalmente, de vitaminas.

Outro ponto favorável a esta verdura é seu preço. “É uma adição acessível para a dieta renal e fácil de encontrar”, afirma o nutrólogo Edson Credidio. “O repolho cru é um importante complemento para quem faz diálise, seja como salada ou cobertura para peixe”, diz. Descarte as folhas externas e lave bem as demais.

Ele comenta também que os crucíferos apresentam glicosinolato, que é um nutriente capaz de auxiliar na formação de glóbulos brancos, tão importantes para a defesa do organismo.

MODO DE USAR: duas vezes por semana é a quantidade indicada para este vegetal estar no cardápio, alternando com os demais da mesma família, como brócolis e couve-flor.

BRANCO OU ROXO?

Nas prateleiras dos supermercados e nas bancas das feiras costuma ser fácil encontrar os dois tipos de repolho. Especialistas explicam que ambos têm as mesmas propriedades (vitaminas A, B6 e C e são antioxidantes), mas o roxo é mais rico em quantidade de nutrientes. “Para aproveitar os benefícios deste vegetal da melhor forma possível, é bom alternar a compra dos dois”, sugere o nutrólogo Edson Credidio.

“Apesar de o roxo levar vantagem também devido à presença da antocianina”, completa. Já quem tem algum problema renal, vale apostar mais no branco, pois ele tem a metade de potássio que tem o roxo, segundo a Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TACO), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). É também menos calórico.

Revista VivaSaúde/ Edição Especial Rins



COMENTE!