assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Maçã atua contra a gordura no fígado

Publicado em 06 de Mar de 2015 por Clara Ribeiro | Comente!

A maçã não pode ficar de lado se o objetivo é prevenir ou remover as gorduras do fígado. Conheça os benefícios dessa delícia!



Texto: Coleção VivaSaúde Especial - Fígado / Foto: Shutterstock / Adaptação: Clara Ribeiro

Maçã atua contra a gordura no fígado

Foto: Shutterstock

Ela está entre as frutas mais consumidas no Brasil, ocupando a quarta posição no ranking do Instituto Brasileiro de Frutas (Ibraf), atrás apenas da banana, da laranja e do mamão. Além de apresentar uma gama de variedades, ser saborosa, leve e ainda agregar sabor a diversas receitas doces e salgadas, contrapondo um gostinho suavemente adocicado, a maçã é indispensável para quem quer se alimentar com qualidade e consequentemente garantir mais saúde.

Ela é rica em sais minerais, como cálcio, fósforo e ferro, e, especificamente para ajudar o fígado a se livrar das gorduras, contém uma substância das mais importantes: a pectina. “É uma fibra solúvel que facilita a digestão de gorduras pelo organismo”, diz a nutricionista Karin Honorato (MG). A nutricionista Salete Brito, nutricionista funcional, reforça que as fibras solúveis como a pectina se juntam às células de gordura e as eliminam do organismo, impedindo que fiquem acumuladas no fígado. “Além de auxiliarem na remoção de toxinas do organismo”, completa.

Quanto ao processo digestivo ela ainda ajuda a evitar a transformação de açúcar em gordura, tem propriedades microbicidas e ativa o trânsito intestinal. Outro benefício que não pode ficar de lado é que ela tem a capacidade de atuar como moderadora de apetite porque dá sensação de saciedade. Uma pesquisa da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos, apontou que comer uma maçã 15 minutos antes das refeições é cinco vezes mais eficiente do que tomar medicação para inibir o apetite.

Modo de usar: para aproveitar a maior concentração de quercetina, a maçã deve ser saboreada in natura e com a casca, devidamente higienizada. Se possível, ao menos uma unidade deve ser incluída na alimentação diária. Se enjoar e quiser variações, vale colocá-la em vitaminas, sucos com diversas frutas, em saladas de frutas e até mesmo fazer chá com a casca dela.

Uma fruta completa

A maçã não pode ficar de lado se o objetivo é prevenir ou remover as gorduras do fígado. Mas não para por aí, porque a fruta traz inúmeros outros benefícios à saúde. Entre médicos e nutricionistas, é considerada uma fruta quase completa. Ela contém ácido málico, taninos, flavonoides e polifenóis que retardam o envelhecimento e previnem contra o câncer. Também ajuda a limpar os dentes, embora não substitua a escovação, favorece a memória por conter o compostofisetina, evita o acúmulo do colesterol ruim e até atua para manter longe as crises de asma.

No Brasil, as variedades fuji e gala são as mais produzidas. Mas por aqui também é fácil encontrar a argentina. Assim, é possível variar e não deixar de aproveitar tudo de bom que a fruta tem a oferecer.

Coleção VivaSaúde Especial - Fígado



COMENTE!